2034

Prefeitura Municipal de Planalto

Pular para o conteúdo
Prefeitura Municipal de
Planalto


Programas, Projetos, Ações e Obras


Nesta seção o cidadão encontra à implementação, acompanhamento e resultados dos programas, projetos, ações e obras dos órgãos e entidades públicas, bem como metas e indicadores propostos

Utilize o(s) campo(s) abaixo para pesquisar

Foram encontrados 49 resultados para a pesquisa.

Acelera – Programa de Correção do Fluxo Escolar

Número: 8

Responsável: Coordenação Pedagógica sob a o encargo de Josineide da Conceição Amaral Ferreira e Alba Lisboa.

Descrição: Brasil, um aluno leva, em média, 12 anos para concluir as oito séries do Ensino Fundamental, o que significa quatro repetências em média por aluno. Entre 10% e 35% dos alunos das quatro primeiras séries das escolas públicas brasileiras permanecem analfabetos após três anos de escolaridade. Esse analfabetismo, fruto da falta de um ensino adequado dentro da escola, dá origem à defasagem escolar. O Brasil desperdiça por ano, com o abandono e a repetência, cerca de seis bilhões de reais, o que representa quase 40% do total dos gastos com o Ensino Fundamental. Assim, é imprescindível estabelecer uma política de resultados que deve tornar-se responsabilidade de cada escola, substituindo a Pedagogia da Repetência por uma Pedagogia do Sucesso. A defasagem escolar reflete o problema número um da educação brasileira: baixa qualidade do ensino, expressa nos altos índices de reprovação e abandono escolar, além dos baixos níveis de aprendizagem. O elevado custo para manter os cerca de 12 milhões a mais de alunos defasados no Ensino Fundamental inviabiliza qualquer possibilidade de ampliação de recursos para a educação. Como nos demais municípios brasileiros, Planalto apresenta um alto índice de estudantes com defasagem escolar. Aproximadamente 20% do total de alunos matriculados na Rede Municipal de Ensino estavam defasados, isto é, estão atrasados em relação ao que seria um fluxo escolar normal. Assim, corrigir o fluxo escolar é pré-requisito para qualquer projeto de reforma e melhoria da qualidade da educação. Seguindo as orientações do PNE (Plano Nacional de Educação) e do PME (Plano Municipal de Educação) em sua Meta 7, a Secretaria de Educação, Esporte e Cultura – SMEC, criou o programa Acelera – Programa de Correção do Fluxo Escolar.

Metas: Corrigir a defasagem idade/série dos alunos do Ensino Fundamental da Rede Municipal de Ensino através de programa de aceleração dos estudos.

Resultados: Ao finalizar o ano letivo de 2017 e entrada dos alunos que passaram pelo programa e se matricularam em 2018 no Ensino Fundamental II, foi observado que estes mesmos obtiveram sucesso nessa nova etapa, mostrando assim que o Programa de Aceleração ajudou-os a seguir os estudos sem perdas de aprendizagem, também já contamos com um número menor de turmas de aceleração, mostrando assim que estamos conseguindo alcançar a Meta 7 do PNE/PME

FormAção Pela Escola - FPE

Número: 9

Responsável: Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Cultura

Descrição: O FormAção pela Escola (FPE) é um programa de formação continuada, na modalidade a distância, que tem por objetivo contribuir para o fortalecimento da atuação dos agentes e parceiros envolvidos com a execução, o monitoramento, a avaliação, a prestação de contas e o controle social dos programas e ações educacionais financiados pelo FNDE. Destina-se a cidadãos que exerçam funções de gestão, execução, monitoramento, prestação de contas e controle social de recursos orçamentários dos programas e ações financiados pelo FNDE, como profissionais de educação da rede pública de ensino, técnicos, gestores públicos estaduais, municipais e escolares, membros do comitê local do Plano de Ações Articuladas (PAR) e dos conselhos de controle social da educação (Conselho Municipal de Educação – CME; Conselho Escolar – CE; Conselho de Alimentação Escolar – CAE; Conselho de Acompanhamento e Controle Social do Fundeb – CACS/Fundeb) que atuem no segmento da educação básica e qualquer cidadão que tenha interesse em conhecer as ações e os programas do FNDE.

Metas: Com o FormAção pela Escola será formada uma rede de cidadãos, voltada para a gestão e o controle social dos recursos públicos destinados à educação e aplicados pelos programas do FNDE em todo o território nacional e nosso município faz parte dessa ação..

Resultados: Com a participação de mais de 120 cidadãos, até o momento, que atuam na rede municipal de educação, Conselheiros dos diversos conselhos e demais cidadãos da comunidade o FormAção Pela Escola já proporcionou 6 cursos diferentes que contribuem para atingir a meta de darmos à sociedade cidadãos conscientes do seu papel enquanto fiscalizador das políticas públicas educacionais.

Visita as escolas para orientações

Número: 10

Responsável: Beatriz Santos Rodrigues - Nutricionista

Descrição: Foi realizada na última semana (25 à 29/07/2022) a supervisão e orientação de todos os procedimentos que envolvem o armazenamento, confecção e distribuição da alimentação escolar. Foram visitadas as escolas: Antônio Alves de Azevedo no povoado de Lagoa de Terto e também a João Otávio de Almeida na região do povoado de Cajazeiras.

Metas: Realizar visitas técnicas a todas as unidades escolares da Zona Urbana e Zona Rural

Indicadores: A finalidade é garantir o controle higiênico e sanitário das refeições servidas.

Primeiros Socorros Psicológicos na Escola

Número: 11

Responsável: Ana Paula Guilherme - Psicóloga (Núcleo Pedagógico)

Descrição: Orientação a profissionais das escolas da rede pública de ensino para saberem lidar com situações de crises com crianças e adolescentes.

Metas: • Capacitar três funcionários de cada escola para realizar o acolhimento de crianças e/ou adolescentes que se encontram em situação de sofrimento psíquico; • Promover discussões sobre a história política da educação no Brasil e como esta afeta a educação na atualidade; • Discutir, de forma coletiva, temas importantes no contexto escolar; • Psicoeducar os participantes sobre o acolhimento, proteção e cuidado com a saúde mental da comunidade escolar.

Indicadores: Acolhimento da crise dentro da escola, sem a necessidade direcionamento ao hospital; Educadores seguros de suas práticas de acolhimento em meio a crises; Educadores que conheçam técnicas de respiração e relaxamento para auxiliar os alunos; Percepção das principais queixas das escolas através do olhar do educador, para posterior planejamento de intervenções; Encaminhamentos corretos para setores da rede intersetorial.

Resultados: Ação em andamento

Grupo Terapêutico de Ansiedade

Número: 12

Responsável: Ana Paula Guilherme - Psicóloga (Núcleo Pedagógico)

Descrição: Orientar a comunidade escolar sobre o manejo correto da ansiedade dos alunos em um trabalho multiprofissional.

Metas: • Diminuir o nível de ansiedade dos alunos através de grupo terapêutico; • Psicoeducar os alunos sobre a ansiedade; • Ensinar estratégias para lidar com a ansiedade como exercício de relaxamento e reestruturação cognitiva; • Orientar os pais sobre a fase desenvolvimento na qual os filhos estão e qual o correto manejo da ansiedade destes; • Realizar parceria com a rede intersetorial para promover momentos formativos sobre a saúde mental dos adolescentes para a comunidade escolar.

Indicadores: Reaplicação do Inventário de Ansiedade para avaliar se houve diminuição dos sintomas de ansiedade dos alunos.

Resultados: Em Andamento